Aplicações

Com o APOGEO a empresa conhece as pessoas e,
ao conhecê-las, toma decisões mais acertadas.
NA SELEÇÃO AVALIA:
  • Qual é o potencial natural do profissional e, seu melhor aproveitamento;
  • A correlação entre o perfil comportamental avaliado e as especificações do cargo;
  • A análise das competências do perfil em correlação com as competências do cargo;
  • A relação entre potencial natural e comportamento, e seus efeitos na performance;
  • O nível do autogerenciamento e os reflexos na entrega.
PARA OS LÍDERES, INFORMA:
  • O melhor canal de comunicação com seus liderados;
  • Como estimular e obter o melhor de cada um;
  • O que pode desestimular o colaborador e levar à perda de produtividade.
Com o APOGEO a empresa conhece as pessoas e,
ao conhecê-las, toma decisões mais acertadas.
3-1 (1)
NA SELEÇÃO AVALIA:
  • Qual é o potencial natural do profissional e, seu melhor aproveitamento;
  • A correlação entre o perfil comportamental avaliado e as especificações do cargo;
  • A análise das competências do perfil em correlação com as competências do cargo;
  • A relação entre potencial natural e comportamento, e seus efeitos na performance;
  • O nível do autogerenciamento e os reflexos na entrega.
PARA OS LÍDERES, INFORMA:
  • O melhor canal de comunicação com seus liderados;
  • Como estimular e obter o melhor de cada um;
  • O que pode desestimular o colaborador e levar à perda de produtividade.
O APOGEO é um instrumento de diagnóstico preciso,
que tem sido utilizado com sucesso nos processos de coaching.
NA FORMAÇÃO E GESTÃO DE EQUIPES, OFERECE:
  • A correlação dos perfis da equipe, perfis pares, complementares e antagonistas;
  • A distribuição de competências da equipe e empresa, aspectos fortes e carências.
NO DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL, APRESENTA:
  • As competências fortes, de apoio e em oposição do perfil avaliado;
  • Indicadores de potencial, adequação e autogerenciamento;
  • Possíveis abordagens a serem consideradas em um programa de desenvolvimento.
O APOGEO é um instrumento de diagnóstico preciso,
que tem sido utilizado com sucesso nos processos de coaching.
4-1
NA FORMAÇÃO E GESTÃO DE EQUIPES, OFERECE:
  • A correlação dos perfis da equipe, perfis pares, complementares e antagonistas;
  • A distribuição de competências da equipe e empresa, aspectos fortes e carências.
NO DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL, APRESENTA:
  • As competências fortes, de apoio e em oposição do perfil avaliado;
  • Indicadores de potencial, adequação e autogerenciamento;
  • Possíveis abordagens a serem consideradas em um programa de desenvolvimento.